Assessor da CBF sofre críticas após jogar gato no chão em coletiva de imprensa de Vinícius Júnior (vídeo)

Web discordou da forma 'brusca' com que assessor de imprensa removeu gato de cima da mesa onde ocorria entrevista do camisa 20 da Seleção

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução/@geglobo)


247 - O assessor de imprensa da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Vinicius Rodrigues, vem sendo alvo de críticas nas redes sociais pela forma como retirou um gato de cima da mesa utilizada para a coletiva de imprensa do atacante Vinícius Júnior nesta quarta-feira (7).

De acordo com a revista IstoÉ, o felino já estava na sala antes de o evento começar, mas resolveu subir na mesa assim que o jogador assumiu o microfone. Foi neste momento que o assessor interveio: fez um pouco de carinho na cabeça do gato e, em seguida, pegou-o pela nuca e pelas costas, com as duas mãos, e o arremessou em direção ao chão. Confira no vídeo abaixo:

A forma aparentemente brusca de jogar o felino gerou críticas a Rodrigues no Twitter: "Qual necessidade de jogar o gato desse jeito? era só colocar no chão do delicadeza, digo nem pela forma como pegou, mas por ter jogado o animal assim. Desnecessário", digitou uma internauta.

"Não importa se machucou ou não. A atitude grosseira diz muito", escreveu outro usuário do Twitter.

Apesar do 'susto', o gatinho ficou bem e acompanhou o restante da coletiva sentado ao lado da mesa onde estava, como registrou o repórter Ricardo Magatti, do Estadão, que acompanhou tudo ao vivo. 

Ao término da entrevista, o felino, apelidado de 'Hexa' por membros da delegação brasileira, voltou a subir na mesa.

 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

  

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247