Anvisa autoriza uso emergencial de coquetel de anticorpos contra Covid

Os medicamentos casirivimabe e imdevimabe (Regn-CoV2) devem ser administrados juntos por infusão intravenosa. O tratamento foi indicado para adultos e pacientes pediátricos (com 12 anos ou mais que pesem no mínimo 40 kg) que não precisam de suplementação de oxigênio

(Foto: Agencia Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta terça-feira (20) o uso emergencial, contra a Covid-19, de uma combinação de casirivimabe e imdevimabe (Regn-CoV2), dois remédios experimentais desenvolvidos pela farmacêutica Roche e que bloqueiam a entrada do vírus na célula. É o segundo medicamento aprovado pela agência. O primeiro foi o remdesivir.

De acordo com o portal G1, os medicamentos devem ser administrados juntos por infusão intravenosa. O tratamento foi indicado para adultos e pacientes pediátricos (com 12 anos ou mais que pesem no mínimo 40 kg) que não precisam de suplementação de oxigênio.

Os remédios não são recomendados para pacientes graves, nem para prevenção da Covid-19.

Os medicamentos já foram aprovados para uso emergencial nos Estados Unidos, Canadá e Suíça. Também teve recomendação de uso pela agência europeia de medicamentos (EMA).

Inscreva-se na TV 247, seja membro e saiba mais: 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email