Brasil ultrapassa 100 mortes por Covid-19 em um dia pela primeira vez

Segundo so dadso do Ministério da Saúde, o total de mortes em decorrência do novo coronavírus no Brasil subiu para 667, um aumento de 114 em relação à véspera. Ao todo, casos confirmados chegam a 13.717

(Foto: Petty Officer 2nd Class Erwin Ja)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SÃO PAULO (Reuters) - O número de mortes em decorrência do novo coronavírus no Brasil atingiu 667 nesta terça-feira, um aumento de 114 em relação à véspera, enquanto os casos confirmados no país tiveram alta de 1.661 na comparação diária, chegando a 13.717, informou o Ministério da Saúde.

Assim, a letalidade da doença no país é de 4,9% dos casos confirmados, ainda de acordo com números da pasta.

São Paulo continua sendo o Estado com maior número tanto de infecções confirmadas quanto de mortes pelo coronavírus no Brasil, com 5.682 casos, alta de 816 em relação à véspera, e 371 óbitos, ante 304 registrados na segunda-feira.

Na sequência da contagem do ministério vem o Rio de Janeiro, com 1.688 casos e 89 mortes.

Na segunda-feira, o governador paulista, João Doria (PSDB), prorrogou a quarentena no Estado até 22 de abril, medida que foi seguida nesta terça-feira pelo governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), que estendeu o isolamento até o final do mês, mas flexibilizou as medidas em cidades onde não há incidência de Covid-19.

O Tocantins é o único Estado do país a não ter registrado óbitos pela Covid-19.

A maior parte dos casos confirmados está concentrada no Sudeste, que possui 59,3% das infecções, enquanto o Nordeste tem 17,6%, o Sul, 10,4%, o Norte, 6,9% e o Centro-Oeste, 5,7%.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email