Mortes por coronavírus vão aumentar em 3 a 6 semanas na América Latina

Entre 3 de 6 semanas, a América Latina viverá um aumento do número de mortes por coronavírus, prevê a Organização Pan Americana da Saúde (OPAS)

Fila em porta de supermercado na Colômbia
Fila em porta de supermercado na Colômbia (Foto: Luisa Gonzalez / Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - As mortes por covid-19 aumentarão nas próximas três a seis semanas na América Latina, disse nesta terça-feira (7) a diretora da Organização Pan Americana da Saúde (OPAS). 

Ela afirma, porém que tudo dependerá do cumprimento das medidas para evitar os contágios e dos recursos disponíveis.
Carissa Etienne, titular do escritório da Organização Mundial da Saúde (OMS), disse que o impacto à saúde do novo coronavírus não será igual em todos os países latino-americanos, mas muitos começarão a ver no final de abril e início de maio um maior número de infectados e de mortos pela doença, informa o UOL.

Desde o começo da pandemia, a América Latina e o Caribe somam 1.466 mortos e 37.545 casos, segundo contagem da às 19h00 desta terça-feira, horário de Brasília.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email