Para 55%, governo deveria tornar vacina contra a Covid-19 obrigatória, diz pesquisa

Um levantamento feito pelo Instituto Paraná Pesquisas apontou que, para 55,2% dos entrevistados, autoridades deveriam tornar obrigatória a vacina contra o coronavírus quando ela estiver disponível. Se não houver obrigatoriedade, 61,2% disseram que pretendem tomá-la e 26,9% afirmaram que depende de qual país for importada

Frasco rotulado como sendo de vacina contra Covid-19 em foto de ilustração
Frasco rotulado como sendo de vacina contra Covid-19 em foto de ilustração (Foto: REUTERS/Dado Ruvic/Illustration)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um levantamento feito pelo Instituto Paraná Pesquisas apontou que, para 55,2% dos entrevistados, autoridades deveriam tornar a obrigatória a vacina contra o coronavírus quando ela estiver disponível. 

De acordo com os dados, 38,6% acham que as pessoas devem ter o direito de escolher se irão ser vacinadas, e 6,2% não souberam ou não opinaram. 

Se a vacina não for obrigatória, 61,2% disseram que pretendem tomá-la; 26,9% afirmaram que depende de qual país ela for importada; 8,7% não pretendem se vacinar; e 3,2% não souberam ou não responderam.

Foram entrevistadas 2.008 pessoas em 26 Estados e no Distrito Federal, entre os dias 10 e 12 de setembro de 2020.

A pesquisa tem um grau de confiança de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos. 

A Paraná Pesquisas encontra-se registrada no Conselho Regional de Estatística da 1ª, 2ª, 3ª, 4ª, 5ª, 6ª e 7ª Região sob o nº 3122/20.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247