UE: AstraZeneca pede autorização para uso emergencial de vacina contra o coronavírus

A Agência Europeia de Medicamentos confirmou o recebimento da documentação e afirmou que deve publicar um parecer até o próximo dia 29, após a farmacêutica AstraZeneca pedir ao órgão regular autorização para uso emergencial da vacina contra o coronavírus. A vacina AstraZeneca/Oxford será a terceira em aplicação na União Europeia se for autorizada

Astrazeneca
Astrazeneca (Foto: REUTERS/Dado Ruvic)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A farmacêutica AstraZeneca pediu à Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês) autorização para uso emergencial da vacina contra o coronavírus que está sendo desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford. A EMA é uma espécie de "Anvisa da União Europeia". A vacina AstraZeneca/Oxford será a terceira em aplicação na União Europeia se for autorizada.

O órgão regulador confirmou nesta terça-feira (12) o recebimento da documentação e afirmou que deve publicar um parecer até o próximo dia 29, de acordo com informações publicadas pelo jornal O Estado de S.Paulo.

As doses desenvolvidas pela Moderna e pela Pfizer em parceria com a BioNTech já estão sendo aplicadas na população do continente. A AstraZeneca conseguiu autorização de uso emergencial no Reino Unido e aguarda decisão semelhante no Brasil, após pedido feito pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) junto à Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247