Único país escandinavo a não fazer quarentena, Suécia vê número de mortes por covid-19 disparar

A diferença entre o número de vítimas na Suécia e nas vizinhas Dinamarca, Noruega e Finlândia, que adotaram ações de isolamento e restrições de trânsito para combater a pandemia, é enorme

Governo sueco não adotou medidas efetivas de prevenção, deixando bares e comércio abertos
Governo sueco não adotou medidas efetivas de prevenção, deixando bares e comércio abertos (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Opera Mundi - A Suécia, único país da Escandinávia, região norte da Europa, que não adotou medidas de isolamento social contra o novo coronavírus, assiste a uma rápida escalada nos números de mortes em decorrência da covid-19.

Mantendo escolas, restaurantes, bares e academias em funcionamento, o país alcançou nesta quinta-feira (23/04) um total de 1.937 vítimas da covid-19, segundo os mapas e gráficos elaborados pelo site Our World in Data, um projeto vinculado à Universidade de Oxford, no Reino Unido.

Além disso, a diferença entre o número de vítimas na Suécia e nas vizinhas Dinamarca, Noruega e Finlândia, que adotaram ações de isolamento e restrições de trânsito para combater a pandemia, é enorme . 

Com uma postura divergente de seus vizinhos, a Suécia adotou uma estratégia chamada de "baixa escala", ou seja, não impôs medidas de restrições para todos os cidadãos. A Agência de Saúde Pública do país pediu somente que as pessoas ficassem distantes umas das outras e que os idosos permanecessem em casa. Escolas primárias, restaurantes, bares e academias, por exemplo, continuaram funcionando normalmente.

O epidemiologista chefe que comanda a agência de saúde sueca, Anders Tegnell, chegou a defender que parte da população contraísse o vírus para que adquirisse imunidade. “Em grande medida, a Suécia optou por recomendar medidas voluntárias porque é assim que estamos acostumados a trabalhar”, disse à emissora CNBC.

O governo dinamarquês, por sua vez, já havia adotado a quarentena antes mesmo de registrar a primeira morte por covid-19. Até o momento, a Dinamarca contabiliza 384 mortes e 8.073 casos confirmados do novo coronavírus.

A Finlândia decretou em março um estado de emergência para combater a covid-19 e atualmente o país tem a menor taxa de óbitos da região da Escandinávia, com 149 mortes.

Com as fronteiras fechadas, a Noruega permite somente que noruegueses e estrangeiros que residem no país de entrarem no território. A medida de fechar as fronteiras não ocorria desde a Segunda Guerra Mundial. Creches, escolas e universidades também estão suspensas, assim como jogos e shows. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247