Bolsonaro teve postura negacionista contra Covid-19, diz presidente da CPI

O presidente da CPI da Covid no Senado, Omar Aziz (PSD-AM), afirmou na noite desta segunda-feira que Jair Bolsonaro teve uma postura negacionista durante a pandemia de Covid-19

Omar Aziz
Omar Aziz (Foto: ALEX_PAZUELLO)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O senador Omar Aziz (PSD-AM), presidente da CPI da Covid, disse que Jair Bolsonaro teve uma postura negacionista durante a pandemia e que seus atos serão passados a limpo durante a Comissão Parlamentar de Inquérito que tomará seus primeiros depoimentos a partir desta terça-feira (4).

"O presidente, desde o primeiro momento, foi negacionista – e todo mundo sabe disso", disse Aziz durante entrevista ao programa 'Roda Viva', da TV Cultura. "[O presidente] estimulou aglomerações, achava equivocadamente que poderíamos sair dessa pandemia com a imunização de rebanho – e isso não aconteceu."

Ao comentar o tratamento que tais atos receberão da comissão, Aziz evitou dar detalhes do que poderá ser feito no futuro. "Acho que os equívocos que foram cometidos precisam ser reavaliados e precisa ser feito uma autocrítica destes equívocos", ponderou. "Estes equívocos custaram ao Brasil muitas vidas", informa o Congresso em Foco.

O senador disse que a CPI da Covid não vai "acabar em pizza" e garantiu ser possível, se necessário, acareações entre ministros e membros e ex-membros do governo, assim como a participação de governadores. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email