Randolfe protocola requerimento para convocar Bolsonaro a depor na CPI da Covid

Na justificativa do pedido, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid, afirmou que "a cada depoimento e a cada documento recebido, torna-se mais cristalino que o Presidente da República teve participação direta ou indireta nos graves fatos questionados por esta CPI"

www.brasil247.com - Senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP)
Senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)


247 - O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid, protocolou, nesta quarta-feira (26), um requerimento para convocar Jair Bolsonaro a depor na Comissão Parlamentar de Inquérito. Os integrantes da CPI devem votar a solicitação ainda nesta quarta-feira (26).

Na justificativa do pedido, o parlamentar afirmou que "a cada depoimento e a cada documento recebido, torna-se mais cristalino que o Presidente da República teve participação direta ou indireta nos graves fatos questionados por esta CPI". 

O senador também algumas condutas de Bolsonaro como o combate a medidas preventivas, estímulo ao uso de medicamentos sem eficácia comprovada contra a doença e um "boicote sistemático à imunização da população" em relação às propostas de vacinas da Pfizer.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
pedido-requerimento

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
requerimento-segunda-parte

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email