75 anos de Angústia

Obra do escritor alagoano Graciliano Ramos foi lanada em 1936, quando o autor estava preso sob o regime de Getlio Vargas; livro, que comparado a Crime e Castigo, de Dostoievski, ganha nova edio e simpsios literrios pelo Pas

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com assessoria - Para comemorar os 75 anos da primeira edição de Angústia, de Graciliano Ramos, a editora Record lança na próxima semana uma edição especial do romance e abre um ciclo de debates que percorrerá cinco capitais do país. O primeiro evento ocorrerá na Universidade de São Paulo (USP), na terça-feira (20), e será aberto com um depoimento do escritor, professor, ensaísta e crítico literário Antônio Cândido. O simpósio “Graciliano Ramos - 75 anos de Angústia” levará ao público uma visão multifacetada sobre esta grande obra da literatura brasileira, publicada pela primeira vez em 1936 quando Graciliano estava preso. Participarão dos debates os professores Elisabeth Ramos (neta de Graciliano) Erwin Torralbo Gimenez, Hermenegildo Bastos, Wander de Melo Miranda e Belmira Rita da Costa Magalhães, todos especialistas na obra do escritor alagoano.

Após a capital paulista, o simpósio acontecerá em outras quatro cidades: Brasília (22/9), Salvador (04/10), Maceió (06/10) e Belo Horizonte (26/10). Nesta última, o ciclo será encerrado com a exposição "Graciliano - 75 anos de Angústia" , no Saguão da Reitoria da UFMG, onde serão exibidos documentos, textos e objetos do autor. A edição comemorativa de Angústia é organizada por Elizabeth Ramos e conta com posfácios de Otto Maria Carpeaux e Silviano Santigo, além de fortuna crítica e um texto de apresentação de Elizabeth Ramos. "Angústia constrói, através de uma galeria de personagens e da decadência do espaço e do ambiente, uma análise das infinitas roupagens de que se reveste a miséria humana", resume a professora sobre o terceiro romance do avô.

Escrito em ambiente de desassossego e intrigas, em plena repressão do governo Getúlio Vargas, Angústia reflete o desconforto do autor com a situação de insegurança em que vivia. "Falta-me tranqulidade, falta-me inocência, estou feito um molambo que a cidade puiu demais e sujou", pensa o narrador. Graciliano foi levado preso pouco depois de revisar as últimas páginas do livro.

 

Abaixo, a programação do simpósio "Graciliano Ramos - 75 anos de Angústia" 

São Paulo - 20 de setembro

Local: USP - Prédio das Ciências Sociais e Filosofia (FFLCH), sala 8

Endereço: Av. Prof. Luciano Gualberto, 315 - Cidade Universitária

Horários: 10h às 12h e 14h30 às 17h

Mais informações: (11)3091-3753 ou 3783

Depoimento de Abertura: Professor Antonio Candido de Mello e Souza

Historiador literário, escritor, ensaísta, professor universitário e crítico consagrado, Antonio Candido nasceu em 1918 no Rio de Janeiro. Sua carreira é marcada pelo trabalho acadêmico, iniciado na Faculdade de Filosofia da Universidade de São Paulo (1942) e prolongado por toda a sua vida, inclusive em instituições estrangeiras. Publicou muitos livros importantes, entre os quais Ficção e confissão (1956), estudo fundamental sobre a obra de Graciliano Ramos, Formação da literatura brasileira (1959), Literatura e sociedade (1965) e Vários escritos (1970).

Brasília - 22 de setembro

Local: Universidade de Brasília, Instituto de Biologia, Auditório 4

Endereço: Campus Universitário Darcy Ribeiro, Asa Norte

Horários: 10h às 12h e 16h às 18h

Mais informações: (61)3107-7211 ou (61) 3107-7203, Depto. de Teoria Literária e Literaturas

Salvador - 04 de outubro

Local: Universidade Federal da Bahia, auditório da Faculdade de Comunicação (FACOM)

Endereço:  Campus de Ondina - Rua Barão de Geremoabo, s/nº

Horário: 14h às 18h

Mais informações: (71)8726-4027 ou (71)3283-6225

Depoimento de abertura: escritor Hélio Pólvora 

Nascido na Bahia em 1928, Hélio Pólvora iniciou sua carreira literária no Rio de Janeiro. De volta à Bahia em 1984, seguiu na literatura e em intensa atividade jornalística. À sua estréia em livro com Os Galos da Aurora (1958 e 2002), seguiram-se mais de vinte títulos de ficção e crítica literária, além de participação em antologias nacionais e estrangeiras. Tem contos traduzidos para diversos idiomas. Conquistou prêmios como o Bienal Nestlé de Literatura - Contos (em 1982 e 1986), prêmio da Fundação Castro (Estranhos e Assustados) e do Jornal do Commercio (Os Galos da Aurora).

Maceió - 06 de outubro

Local: Universidade Federal de Alagoas, auditório da FAMED, Faculdade de Medicina 

Endereço: Campus A. C. Simões  - Av. Lourival Melo Mota s/nº , Tabuleiro do Martins

Horário: 15h às 18h / 19h30 às 21h30

Mais informações: (82)3241-1524 e (82)3214-1640

Belo Horizonte - 24 de outubro

Local: Universidade Federal de Minas Gerais - Auditório da Reitoria

Endereço: Av. Antonio Carlos, 6627  Campus Pampulha  

Horário: 14h30 às 18h

Mais informações: (31) 3409-4650 e (31) 3409-4624

Exposição: De 24 a 31 de outubro,  exposição Graciliano Ramos - 75 anos de Angústia, no Saguão da Reitoria da UFMG

(Com informações de Gabriela Máximo da Editora Record)

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247