Adele é acusada de também plagiar música de Chico Buarque, mas assessoria do artista nega cópia

A discussão começou na internet e teve a participação de profissionais musicais, que explicaram a que se deve a semelhança

Adele e Chico Buarque
Adele e Chico Buarque (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - A equipe do cantor Chico Buarque afirmou que a música 'To be Loved' da cantora britânica Adele não pode ser considerada um plágio de 'Eu Te Amo', composição do cantor e de Tom Jobim, lançada em 1980. A afirmação foi confirmada por Vinicius França, empresário do cantor, nesta terça-feira e reproduzida no jornal O Globo. 

A semelhança entre as duas músicas foi primeiro apontada entre usuários das redes sociais. O novo disco da queridinha da Inglaterra foi lançado apenas na última sexta-feira. Mal deu tempo de ouvir, mas as audições mais aguçadas já captaram a semelhança na introdução das duas músicas. Um Tweet mostra as duas:


A discussão começou na internet e teve a participação de profissionais musicais, que explicaram a que se deve a semelhança. Não se trataria de um caso de plágio, mas de um padrão harmônico simples, comum no mundo da música.

PUBLICIDADE

“O do Chico é uma sequência de acordes com movimento similar, mas em diferentes harmonias, enquanto que a da Adele é simplesmente uma escala descendente no padrão 2-3 1-2 7-1 6-7 e por aí vai. São formas musicais SIMPLES e consideravelmente distintas”, explicou um internauta.

A cantora é acusada de plagiar Toninho Geraes, compositor de “Mulheres”, música de 1995 interpretada por Martinho da Vila,

PUBLICIDADE

 Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email