HOME > Cultura

Ao som de Chico, artistas defendem a democracia

No dia que antecede o aniversário do golpe militar de 1964, vídeo divulgado nas redes sociais com a participação de diversos artistas reafirma a defesa da democracia e contra as manobras golpistas em curso no país. Ao som de Roda Viva, de Chico Buarque - canção em que pedia voz para o povo - eles denunciam a manipulação midiática e reafirmam o compromisso com o Brasil

No dia que antecede o aniversário do golpe militar de 1964, vídeo divulgado nas redes sociais com a participação de diversos artistas reafirma a defesa da democracia e contra as manobras golpistas em curso no país. Ao som de Roda Viva, de Chico Buarque - canção em que pedia voz para o povo - eles denunciam a manipulação midiática e reafirmam o compromisso com o Brasil (Foto: Valter Lima)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Portal Vermelho - No dia que antecede o aniversário do golpe militar de 1964, vídeo divulgado nas redes sociais com a participação de diversos artistas reafirma a defesa da democracia e contra as manobras golpistas em curso no país. Ao som de Roda Viva, de Chico Buarque - canção em que pedia voz para o povo - eles denunciam a manipulação midiática e reafirmam o compromisso com o Brasil.


O vídeo foi organizado por quatro jovens atores: Sara Antunes, Paulo Celestino, Ana Petta (Tininha) e Ana Flávia Chrispiniano. Falando ao Portal Vermelho, Tininha afirmou que "historicamente o teatro sempre se posicionou em favor da liberdade, que é de sua essência, como são exemplos no Brasil o teatro Oficina e o Arena". Para realizar o vídeo " unimos os grande mestres a jovens atores e diretores para se posicionarem nesse momento delicado em que a nossa voz tem papel importante na defesa da democracia e contra o golpe", declarou a jovem atriz.

Veja o vídeo:

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: