Arte ou plágio?

O artista americano Richard Prince, condenado por se apropriar de trabalhos alheios na Frana, expe em duas galerias parisienses e presta tributo a Willem de Kooning e Andy Warhol

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Natália Rangel_247 - Aos 62 anos, Richard Prince foi condenado a indenizar o artista francês Patrick Cariou por ter utilizado sem autorização 40 imagens de rastafáris em seu trabalho Canal Zone, que associava as fotos a elementos eróticos (o trabalho fotográfico de Cariou foi feito ao longo de dez anos). Esta semana o advogado de Prince recorreu da sentença e desencadeou nos jornais franceses mais uma vez a discussão sobre os limites entre a cópia, o plágio e a releitura artística da obra na arte contemporânea. Assunto que remonta ao início do século passado, quando Pablo Picasso e Georges Braque já lançavam mão de materiais alheios para colá-los em suas telas ou à década de 1960, quando a pop art, principalmente, explorou o estilo a exaustão.

O movimento é chamado de Appropriation Art, tendência em que Prince é o maior representante da atualidade, e é esta a argumentação utilizada pela defesa de Prince. O artista está com duas mostras em Paris nas galerias Gagosian e BNF, que vão até 26 de junho. Nelas, ele faz releituras dos trabalhos de Andy Warhol (1928-1987) e do americano de origem holandesa, Willem de Kooning (1904-1997). Prince é um dos precursores modernos do estilo e despontou com as versões que fez das campanhas publicitárias dos cigarros Marlboro na década de 1980.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email