Compositor Manno Goes, autor de 'Milla', detona Netinho por apresentação em ato pró-Bolsonaro

Manno Goes não gostou de ver a música que ele criou sendo cantada em manifestação no sábado (1º/5): “Não autorizo esse débil mental”

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Metrópoles - O compositor baiano Manno Goes, autor da canção Milla, sucesso na voz de Netinho, detonou o cantor após participação em ato a favor do presidente Jair Bolsonaro em São Paulo, no sábado (1º/5). O criador da música chamou o intérprete de “débil mental” nas redes sociais e disse que “não autoriza” que a sua criação seja associada à manifestação que pedia “intervenção militar”.

Essa não foi a primeira vez que o autor se incomoda com o uso da música por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em julho, ele deixou claro que não gostou nada do hit dos anos 1990 ter sido usado para defender um discurso do qual ele não compartilha. “Que a próxima música minha que esses idiotas cantem seja Acabou", sugeriu Manno em seu perfil na rede social.

Continue lendo no Metrópoles

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email