Deputados protocolam requerimento para que Ernesto Araújo esclareça censura ao filme sobre Chico Buarque

Deputados Henrique Fontana (PT-RS) e Paulo Teixeira (PT-SP) pedem que ministro preste esclarecimentos sobre censura imposta ao filme sobre vida e obra de Chico Buarque, no festival de cinema no Uruguai

Chico Buarque e Ernesto Araújo
Chico Buarque e Ernesto Araújo
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Os deputados Henrique Fontana (PT-RS) e Paulo Teixeira (PT-SP) protocolaram nesta terça-feira (17), na Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (Credn), da Câmara dos Deputados, requerimento em que pedem a convocação do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, para que preste esclarecimentos sobre a censura imposta ao filme sobre a vida e a obra do cantor e compositor Chico Buarque, no festival de cinema no Uruguai, informa o PT na Câmara.

“A censura é inaceitável em qualquer circunstância, em qualquer tempo histórico e praticada por qualquer pessoa. Os atos de censura têm se multiplicado em diversas ações do governo Bolsonaro, em diversos cantos do País e também no exterior”, afirmou o deputado Henrique Fontana.

Segundo reportagem da Revista Veja, a organização do 8º Festival de Cinema do Brasil diz ter recebido instrução da Embaixada do Brasil no Uruguai para não exibir o documentário Chico: Artista Brasileiro.

Na justificativa do requerimento os deputados afirmam que a “tentativa de interferência da Embaixada do Brasil no Uruguai, provavelmente por determinação ideológica do Ministério das Relações Exteriores, configura verdadeira censura prévia, expressamente vedada no texto constitucional e representa grave retrocesso democrático, que deve ser repudiado pelo Parlamento nacional, exigindo, destarte, que os responsáveis venham prestar esclarecimentos nessa Câmara dos Deputados”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email