Drama dos mineiros no cinema

O produtor de "Cisne Negro", Mike Medavoy, passa a perna em Brad Pitt e anuncia filme sobre a histria dos chilenos que ficaram presos por 69 dias em uma mina no Atacama

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O drama vivido pelos 33 mineiros do Chile, que ficaram presos por 69 dias na mina de San José, no Atacama, vai virar filme. Mike Medavoy, presidente da Phoenix Pictures e produtor de filmes como "Cisne Negro", passou a perna em outros interessados e fechou um contrato com os chilenos para levar a história ao cinema. No final de 2010, a produtora de Brad Pitt, Plan B Entertainment, negociava a aquisição dos direitos do assunto.

"Esta é uma história sobre o triunfo do espírito humano e uma homenagem à coragem e perseverança do povo chileno. Não posso pensar numa história melhor para levar ao cinema", declarou Medavoy. O roteiro será realizado por José Rivera, vencedor do Oscar de 2005 por "Diários de Motocicleta", com base no livro de Héctor Tobar. A obra foi escrita a partir das anotações feitas por Víctor Segovia, um dos mineiros presos.

A produção começará em 2012. Um dos nomes cotados para o elenco é Javier Bardem, marido de Penélope Cruz e conhecido pelos filmes "Vicky Cristina Barcelona", de Woody Allen, e "Onde os fracos não têm vez", dos irmãos Coen.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email