Lykke Li, a nova Bjork

Cantora sueca estoura nas paradas com o single Possibility e j vem sendo comparada diva islandesa

A cantora sueca Lykke Li está sendo apontada como a nova Bjork da cena musical. Em comum elas têm o vocal bem peculiar e a sonoridade eclética, que mistura percussões tribais, arranjos eletrônicos e guitarras nervosas. A diferença reside no fato de a moça ser bem mais pop que a islandesa. Lykke, 24 anos, deixou o frio de Estocolmo e se estabeleceu na ensolarada Los Angeles, nos EUA, para gravar o seu novo CD, Wounded Rhymes (Rimas feridas), lançado no mês passado nos EUA e na Europa. Apadrinhada por Kanye West e produzida por Bjorn Yttling (mesmo agente do trio Peter Bjorn and John), ela despontou cedendo músicas para o cinema e a publicidade.

A canção Possibility foi composta e cantada por ela para a trilha sonora de Lua Nova, segundo filme da saga dos vampiros protagonizada por Robert Pattinson. Virou hit e bombou entre os fãs da série e a moça se tornou rapidamente uma diva teen. No ano passado, uma outra música de Lykke, Little Bit, foi utilizada nos comerciais de lingerie da Victoria’s Secret. Foi quando Kanye West a conheceu e a convidou para uma parceria. O balanço de sua meteórica carreira foram milhares de Cds vendidos de seu primeiro trabalho, Youth Novels, um contrato com a gravadora Atlantic e elogios ragados de publicações como Rolling Stone, Mojo e Q Magazine, que a compararam com a islandesa Bjork e a alemã Nico.

Assista ao vídeo da canção Possibility:

Ao vivo na TV 247 Youtube 247