O galã aos 50

Com uma carreira repleta de grandes sucessos, o ator George Clooney ganhou fama como um irresistvel conquistador e chega maturidade reconhecido como um competente intrprete de sua gerao

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com agências internacionais - O ator americano George Clooney entrou para o clube dos cinquentões na sexta-feira 6 ainda ostentando a fama de galã irresistível que o consagrou ao longo de toda a sua carreira. Sozinho, após muitos rumorosos romances, Clooney chega aos 50 anos reafirmando que o casamento não foi inventado para ele e que não planeja se casar. Toda a atenção anda voltada à sua agenda profissional que, atualmente, inclui sete novos filmes em fase de produção, entre eles, uma rara adaptação ao cinema que dará muito que falar. Clooney foi o escolhido pela Warner e pelo diretor Steve Soderbergh para reviver nas telas o agente do clássico seriado dos anos 1960, O homem da U.N.C.L.E. Ex-sócio de Soderbergh, o ator trabalhou em seis filmes do diretor: Irresistível Paixão, Solaris, O Segredo de Berlim e os três da franquia Onze homens e um segredo.

A série de espionagem foi ao ar pela NBC entre 1964 e 1968 e mostrava as aventuras dos agentes Napoleon Solo e Illya Kuryakin da UNCLE, lutando contra os inimigos da THRUSH. O programa estrelado por Robert Vaughn e David McCallum foi originalmente produzido pela MGM Television na esteira do sucesso de 007. O criador de James Bond, Ian Fleming, chegou, inclusive, a colaborar no roteiro do programa. A série de tevê, no entanto, nunca foi adaptada para o cinema e acabou ofuscada pelo sucesso de 007. Com esse trabalho (que deve estrear nos cinemas no ano que vem), o astro de filmes como E Aí, Meu Irmão, Cadê Você (2000) e Amor Sem Escalas (2009) reviverá nas telas um dos mais carismáticos e populares agentes especiais da história dos seriados. Um presente sob medida para o cinquentão mais disputado do cinema.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email