Os melhores do rock eletrônico

O estilo começou nos anos 60, com o Kraftwerk. Não haveria espaço aqui para todas as boas experiências feitas desde então.

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Gosto de Rock, mas quando a música electrônica se aglutinou ao estilo, foi uma grande novidade. Isso começou nos anos 60, com o Kraftwerk. Desde então, vários artistas fizeram experiências bacanas. Não haveria espaço pra todos aqui. Dentre os que não estão na lista, podemos citar Depeche Mode, New Order, Nine Inch Nails, Tortoise, Ministry, Ratatat, LSD Soundsystem, entre tantos outros. Depois a gente faz outra lista com esses e suas sugestões. Eletrônica na cabeça!

1- Kraftwerk - A banda surgiu no fim dos anos 60. Conheci os alemães nos anos 70, quando ouvi "Radioactivity" e "Autobahn", seus primeiros discos lançados no Brasil. Depois destes, vieram vários álbuns, sempre trazendo a música eletrônica como base. Vi 2 shows do Kraftwerk e recomendo muito. They are the real robots!


2- Trans Am
- O trio é de Maryland, USA. Gravou seu primeiro EP em 96. Estiveram no Brasil em 2001. Eles fazem um electro-rock inspirado no Eletropop alemão, com instrumentos básicos do rock, como bateria, baixo, guitarra acrescido de vocoder, sintetizadores variados. Aqui uma apresentação ao vivo dos rapazes.

 


3- Peaches
- Louca pra dedéu, Merrill Beth Nisker começou a agitar com a música no Canadá em meados dos anos 90. Mas foi na Alemanha que ela virou Peaches. Suas letras são absurdamente sexuais e seu som (produzido por ela mesma!) é do melhor electrorock dançante. No encarte do seu disco de estreia, ela aparece com vários hematomas. Ela não é fácil!


4- Moby
- Richard Melville Hall é de Nova Iorque, um ano mais novo que Merril Beth. Eletrônico mais pop e romântico, inspirou-se na obra "Moby Dick" de Herman Melville pro seu nome artístico. Ele já esteve por aqui, mas eu não vi. Esse clipe é incrível, dramático, intenso. Moby é assim, questionador.


5- The Rapture
- A banda é cheia de influências, entre elas o eletrônico e a disco-punk. As vezes soam mais orgânicos, mas na maioria das músicas, são dançantes e eletroroqueiros. Eles se juntaram em 98 e no ano seguinte gravaram seu disco de estreia, "Mirror". Mas recomendo todos. São bem legais!


6- Daft Punk
- Esses franceses são bacanas! Formaram a dupla em 96 e um ano depois lançaram seu álbum de estreia "Homework". A lição de casa foi tão bem feita que estouraram no mundo todo. Há quem os coloque na cena house, mas eu prefiro colocá-los na prateleira electrônica geral. Fica mais fácil de achar seus discos na hora de discotecar. O clipe é lindão, reparem! Are they the real robots?!!

7- Prodigy - Formou-se em 1990, mas foi em 96 que alcançaram o sucesso. Catalogado como 'Big Beat', têm 5 álbuns e 2 EPs lançados. Eles ajudaram na cena eletro-rock, ao convidarem Juliette Lewis e Noel Gallagher (Oasis) pra participarem do disco "Always outnumbered, never outgunned", que a 'cena' estranhou bastante. Eu agradeço a ousadia! O clipe é da fase 96 dos caras.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email