Paul ao vivo, em verso e prosa

O ex-Beatle Paul McCartney volta ao Pas para duas apresentaes no Rio de Janeiro tambm ganha nova biografia e relana dois lbuns histricos, com msicas inditas. Assista ao vdeo

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Natália Rangel_247 - Day Tripper, Helter Skelter, Blackbird e I've just seen a face...as clássicas canções dos The Beatles darão o tom na próxima visita do cantor e compositor Paul McCartney ao Brasil. Ele fará shows no próximo domingo 22 e na segunda-feira 23, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro. O seu repertório de 34 músicas (muito semelhante ao apresentado em São Paulo) inclui 23 canções do quarteto de Liverpool, sete da banda que formou depois do fim dos Beatles, The Wings, e quatro de sua carreira solo. Os discos Sargeant Pepper's Lonely Heart Club Ban, o Álbum Branco e Let It be, são os que mais comparecem com muitas canções. O artista também homenageia George Harrison, tocando Something com o acompanhamento de um ukelele, instrumento preferido do parceiro.

Inéditas

Muito além do show, vem diretamente dos estúdios Abbey Road uma verdadeira preciosidade artística pertencente ao acervo musical de Paul, o Paul McCartney Archive Collection, e inclui as inéditas Suicide e Don't cry baby, canções nunca gravadas. O lançamento inclui dois álbuns, McCartney, com sete faixas inéditas, e McCartney II, com três discos e um livro de fotos feitas por Linda McCartney, de 130 páginas. Serão lançados no mês que vem, segundo anunciou o site oficial do artista. Todas as faixas foram remasterizada pela mesma equipe do lendário estúdio que também lançou recentemente toda a obra do grupo britânico.

Biografia

E nesta mesma semana chega às livraria uma nova biografia do artista, McCartney, Uma vida (Nova Fronteira), do jornalista americano Peter Ames Carlin, jornalista e também autor do livro Catch a wave: the rise, fall and redemption of the Beach Boy's Brian Wilson, melhor publicação a analisar a errática trajetória do roqueiro e fundador da banda dos anos 1960, um best-seller do The New York Times. A obra analisa a vida e a obra do músico e se dedica a pormenorizar como o músico evolui da simplicidade pop de hits como “Love me do”, para melodias sinfônicas como “A day in the life”. Carlin defende que a ambição de Paul, que contribuiu para o estrelato do grupo, também foi o que determinou o fim prematuro da banda no final dos anos 1960. Bem documentada e rica em histórias e episódios da vida pessoal, íntima e artísica do roqueiro, a biografia é o resultado de anos de pesquisas e entrevistas. Longe de criar um retrato laudatório do ídolo, cumpre o objetivo de fazer emergir de seu relato um comovente perfil de Paul McCartney.

Exigências de popstar

240 toalhas brancas

24 barras de sabão Ivory (sem gordura animal)

Buffet vegetariano para o artista e toda a sua trupe

Limousine sem acentos de couro animal – o mesmo vale para os móveis do backstage

Muitas flores: lírios brancos, frésias, gardênias, flores silvestres, rosas brancas e rosas que devem ser entregues até 11 horas da manhã nos dias de show

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email