Pitty, Martin e o som da "Agridocelândia"

"Agridoce", disco do projeto paralelo da dupla, tem pr-venda online e chega s lojas dia 17

Pitty, Martin e o som da "Agridocelândia"
Pitty, Martin e o som da "Agridocelândia" (Foto: Caroline Bittencourt/ Divulgação)

247 - Agridoce, projeto paralelo de Pitty que deve chegar às lojas no próximo dia 17, já está em pré-venda na internet. Parceria da cantora baiana com o guitarrista Martin, Agridoce tem doze faixas com enfoque acústico e temática bittersweet, como sugere o nome, com canções sobre doces dores de amores amargos.

Voz, piano e violão são os sabores predominantes. Instrumentos como bandolim, ukulele, glockenspell e escaletas temperam o som que saiu da "Agridocelândia". Assim Pitty batizou a casa na Serra da Cantareira onde a cantora baiana, Martin, o produtor Rafael Ramos, o engenheiro de som Jorge Guerreiro e o diretor Otávio Sousa se isolaram durante 22 dias para gravar este primeiro disco.

Além de desligar os amplificadores e explorar instrumentos pouco usados no velho e bom rock de cada dia, Pitty se permitiu descobrir outras possibilidades exóticas de sons, usando objetos do cotidiano, durante a estadia na serra.

Agridoce, que Pitty definiu como "fofolk", é diferente de tudo o que a cantora já fez em outros projetos paralelos. O disco tem faixas em inglês, uma em francês ("Ne parle pas") e Pitty também se aventura no cover da clássica "Please, please, please, let me get what I want", dos Smiths. Escolha perfeita para fechar o disco de sonoridade leve para temática sombria. Martin também canta.

Experimente o clipe de "Dançando" ou ouça todas as músicas lá, na "Agridocelândia virtual".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247