Torre das Donzelas é “sobre histórias de resistências”, diz cineasta Suzanna Lira

Diretora do documentário que traz histórias de mulheres presas durante a ditadura militar conta sobre o processo de elaboração do filme e ressalta sua importância para a atual conjuntura. “É importante se lembrar do que aconteceu para que não se repita”, diz. Assista

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A premiada cineasta Suzanna Lira falou à TV 247 sobre seu novo filme “Torre das Donzelas”, que narra a história de presas políticas durante a ditadura militar em um conjunto de celas feminina do presídio Tiradentes, em São Paulo, de 1969 a 1972. O filme tem participação de mulheres que lideraram o Brasil, a exemplo da ex-presidenta Dilma Rousseff.

Na entrevista, a diretora explicou que queria falar da resistência feminina na ditadura por achar que o protagonismo masculino já era muito conhecido, ao contrário da luta das mulheres nesse período.

A cineasta vem desenvolvendo em sua carreira um trabalho com a questão de gênero. Uma questão que a levou a estudar esse tema é que, nascida na época da ditadura, se perguntava o que motivou tanta gente a abandonar suas famílias e o conforto de seus lares, e irem lutar por algo maior.

“É importante que se diga o que passou. Esse filme é para ser um filme de memória. A gente tem que se lembrar do que aconteceu para que não se repita”, disse. Ela também falou que a obra é “sobre histórias de resistência”.

Suzanna contou que o filme mudou de sentido durante sua elaboração. Hoje ele ganhou um novo rumo: como é importante acreditar que vale a pena lutar. O filme não é um relato de tortura, mas um filme que inspira a luta e a resistência, segundo ela. “A gente precisa resistir agora”.

Inscreva-se na TV 247 e assista à entrevista na íntegra:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email