Victor Fasano: “Temer, o senhor tem noção do que está fazendo?”

Indignado, ator critica decreto de Michel Temer que disponibiliza, como lembra ele em vídeo, "uma área maior do que a Noruega para ser utilizada para mineração, em plena Serra do Tumucumaque, uma das mais lindas desse país, cheia de florestas, duas áreas indígenas, além de sete áreas de conservação"

Indignado, ator critica decreto de Michel Temer que disponibiliza, como lembra ele em vídeo, "uma área maior do que a Noruega para ser utilizada para mineração, em plena Serra do Tumucumaque, uma das mais lindas desse país, cheia de florestas, duas áreas indígenas, além de sete áreas de conservação"
Indignado, ator critica decreto de Michel Temer que disponibiliza, como lembra ele em vídeo, "uma área maior do que a Noruega para ser utilizada para mineração, em plena Serra do Tumucumaque, uma das mais lindas desse país, cheia de florestas, duas áreas indígenas, além de sete áreas de conservação" (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Victor Fasano é mais um ator a mandar um recado indignado a Michel Temer por conta de seu decreto que extinguiu a Reserva Nacional de Cobre e Associadas, localizada entre o Amapá e o Pará. 

Em vídeo postado nas redes sociais, ele questiona, nervoso, se Temer "tem noção do que está fazendo" quando  libera "uma área maior do que a Noruega para ser utilizada para mineração, em plena Serra do Tumucumaque, uma das mais lindas desse país, cheia de florestas, duas áreas indígenas, além de sete áreas de conservação".

O ator afirma que não tem como ele fazer seu trabalho em prol do meio ambiente se "aí em Brasília o senhor autoriza a destruição do meio ambiente e dessas espécies todas ameaçadas". Assista acima.

A cantora Ivete Sangalo também reagiu com indignação ao retrocesso ambiental de Temer.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247