Wisnik revolta-se com uso de música sua com Tom Zé por Carla Zambelli em vídeo pró-Bolsonaro

“Apropriação repulsiva” e “utilização espúria e revoltante”, descreveu o autor de ‘Xiquexique’ sobre vídeo que exalta supostas ações de Bolsonaro no Nordeste (vídeo)

José Miguel Wisnik
José Miguel Wisnik (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O compositor José Miguel Wisnik publicou um vídeo neste sábado (25) repudiando o uso de uma música de sua autoria com Tom Zé pela deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) em um vídeo que exalta supostas ações de Jair Bolsonaro no Nordeste.

O compositor diz que tomará as ações judiciais cabíveis pelo uso da música sem autorização e descreve o gesto como “apropriação repulsiva” e “utilização espúria e revoltante”, lembrando ainda que Bolsonaro perdeu em todos os estados do Nordeste nas eleições de 2018.

No vídeo, é utilizado um trecho da música Xiquexique, parte da trilha sonora do espetáculo Parabelo (1997), do Grupo Corpo. 

“Queremos declarar aqui que Parabelo não está à disposição desta utilização espúria e revoltante que vai contra tudo aquilo em que acreditamos e tudo o que a música representa, como alegria de viver, como força da cultura popular nordestina e como força da arte”, diz o autor.

Assista:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247