Arno: governo Temer quer destruir feitos do PT

Secretário do Tesouro Nacional de Dilma Rousseff, Arno Augustin afirmou que "o golpe é antes de mais nada uma destruição de tudo isso que foi construído antes, para recolocar o Brasil em condições de não crescimento"; de acordo com ele, em evento da Fundação Perseu Abramo, a desorganização da economia começou apenas no ano passado, quando Dilma Rousseff promoveu "um recuo tático decorrente da pressão de setores empresariais" em direção a um programa econômico mais liberal

Secretário do Tesouro Nacional de Dilma Rousseff, Arno Augustin afirmou que "o golpe é antes de mais nada uma destruição de tudo isso que foi construído antes, para recolocar o Brasil em condições de não crescimento"; de acordo com ele, em evento da Fundação Perseu Abramo, a desorganização da economia começou apenas no ano passado, quando Dilma Rousseff promoveu "um recuo tático decorrente da pressão de setores empresariais" em direção a um programa econômico mais liberal
Secretário do Tesouro Nacional de Dilma Rousseff, Arno Augustin afirmou que "o golpe é antes de mais nada uma destruição de tudo isso que foi construído antes, para recolocar o Brasil em condições de não crescimento"; de acordo com ele, em evento da Fundação Perseu Abramo, a desorganização da economia começou apenas no ano passado, quando Dilma Rousseff promoveu "um recuo tático decorrente da pressão de setores empresariais" em direção a um programa econômico mais liberal (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Para o secretário do Tesouro Nacional de Dilma Rousseff Arno Augustin, o governo interino de Michel Temer tem como objetivo "destruir" o que foi construído durante os 12 anos de administração do PT  e "colocar o Brasil em condições de não crescimento".

"O golpe é antes de mais nada uma destruição de tudo isso que foi construído antes, para recolocar o Brasil em condições de não crescimento", disse, em evento da Fundação Perseu Abramo.

Ainda de acordo com ele, a desorganização da economia começou apenas no ano passado, quando Dilma promoveu "um recuo tático decorrente da pressão de setores empresariais" em direção a um programa econômico mais liberal.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email