Bancos lucram R$ 12 bilhões no 2º trimestre na Bovespa

Não há crise para os bancos; as instituições financeiras lideraram os lucros das empresas de capital aberto no segundo trimestre, segundo levantamento da consultoria Economática; Itaú Unibanco obteve lucro líquido de R$ 6,01 bilhões no período; em segundo veio o Bradesco, com lucro de R$ 3,9 bilhões, seguido pelo Banco do Brasil, com lucro de R$ 2,6 bilhões

Agência do Itaú no Rio de Janeiro, Brasil 29/1/2014 REUTERS/Sergio Moraes
Agência do Itaú no Rio de Janeiro, Brasil 29/1/2014 REUTERS/Sergio Moraes (Foto: Aquiles Lins)

247 - Não há crise para os bancos; as instituições financeiras lideraram os lucros das empresas de capital aberto no segundo trimestre, segundo levantamento da consultoria Economática; Itaú Unibanco obteve lucro líquido de R$ 6,01 bilhões no período.

Na sequência, os maiores lucros no 2 trimestre foram os do Bradesco (R$ 3,9 bilhões) e Banco do Brasil (R$ 2,6 bilhões). Entre as 20 empresas mais lucrativas no período, 6 foram bancos.

O setor liderou mais uma vez os ganhos, com a soma dos resultados de 23 instituições totalizando um lucro de R$ 16 bilhões, uma alta de 5,6% frente ao 2º trimestre de 2016.

Considerando os resultados de 309 empresas com capital aberto que já divulgaram seus balanços, o lucro consolidado no 2º trimestre foi de R$ 24,4 bilhões, valor 13,2% inferior que o do mesmo período de 2016 quando as mesmas empresas registraram R$ 28,1 bilhões.

As informações são do portal G1

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247