HOME > Economia

Bolsonaro ataca governadores e prefeitos como culpados pela alta da inflação

A inflação disparou no Brasil em julho. O acumulado é de quase 9% em 12 meses, nível mais alto para o mês em quase 20 anos

(Foto: ABr)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Em mais uma demonstração da deterioração da situação econômica do país, a inflação disparou, fruto do fracasso da gestão econômica de seu governo a cargo do ministro Paulo Guedes. O acumulado é de quase 9% em 12 meses, nível mais alto para o mês em quase 20 anos. 

Mas Jair Bolsonaro se eximiu nesta quinta-feira (12) da responsabilidade e culpou os governadores e prefeitos.

Bolsonaro voltou a atacar gestores locais por terem adotado a política do isolamento social como instrumento de prevenção à disseminação da Covid-19. Segundo ele, isso prejudicou a economia e consequentemente teve reflexos na inflação. 

A inflação oficial brasileira acelerou com força em julho e atingiu o nível mais alto para o mês em quase 20 anos, ainda sob intensa pressão dos preços da energia elétrica e levando a taxa acumulada em 12 meses a encostar em 9%, enquanto o Banco Central intensifica o aperto monetário, informa a Folha de S.Paulo.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: