‘Brasil só chegará a ser a sexta potência se a sua população for também’, diz Dilma

O relatrio "Perspectiva Econmica Mundial", divulgado nesta tera-feira pelo Fundo Monetrio Internacional (FMI), apontou que a economia brasileira ser ultrapassada pela do Reino Unido neste ano, voltando para a stima colocao

‘Brasil só chegará a ser a sexta potência se a sua população for também’, diz Dilma
‘Brasil só chegará a ser a sexta potência se a sua população for também’, diz Dilma (Foto: Sérgio Lima/Folhapress)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Em discurso no Consea, a presidente Dilma Rousseff (PT) disse nesta terça-feira que o Brasil só poderá ser considerado a sexta potência mundial quando a população do País puder usufruir dessa riqueza. "Muitas vezes dizem para nós que é muito importante que o Brasil tenha chegado a ser a sexta potência baseado nos critérios e indicadores do Produto Interno Bruto. Para nós, para os que pensam como nós, o Brasil só chegará a ser a sexta potência do mundo se a sua população for também, em matéria de acesso a riqueza e aos bens, a sexta população mais rica do planeta", disse a presidente.

"Nosso País será realmente rico se todos nós pudermos participar e desfrutar das benesses do nosso desenvolvimento. Muitas vezes dizem pra nós que é muito importante que o Brasil tenha chegado a ser a sexta potência baseado nos critérios e indicadores do Produto Interno Bruto", discursou Dilma.

Em 2011, Brasil passou o Reino Unido e se tornou a sexta economia global. No entanto, o relatório "Perspectiva Econômica Mundial", divulgado nesta terça-feira pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), apontou que a economia brasileira será ultrapassada pela do Reino Unido neste ano, voltando para a sétima colocação.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email