Brasil tem déficit em transações correntes de US$ 343 mi em outubro

Brasil fechou outubro com déficit em transações correntes de US$ 343 milhões, melhor desempenho para o mês desde 2007 (- US$ 216,5 milhões), novamente guiado pela força da balança comercial; nos 10 primeiros meses do ano, o saldo em transações correntes ficou negativo em US$ 3,033 bilhões, contra rombo de US$ 16,931 bilhões em igual período de 2016.[; no mês, os Investimentos Diretos no País de (IDP) alcançaram US$ 8,24 bilhões

dolar
dolar (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - O Brasil fechou outubro com déficit em transações correntes de 343 milhões de dólares, melhor desempenho para o mês desde 2007 (-216,5 milhões de dólares), novamente guiado pela força da balança comercial, divulgou o Banco Central nesta quinta-feira. O resultado veio melhor que expectativa de rombo de 1 bilhão de dólares, apontado em pesquisa Reuters com analistas.

No mês, os Investimentos Diretos no País de (IDP) alcançaram 8,24 bilhões de dólares, também acima da expectativa de mercado de 7,2 bilhões de dólares, bem mais do que o suficiente para cobrir o saldo negativo da conta corrente.

Nos 10 primeiros meses do ano, o saldo em transações correntes ficou negativo em apenas 3,033 bilhões de dólares, contra rombo de 16,931 bilhões de dólares em igual período de 2016. Para 2017, o BC prevê déficit de 16 bilhões de dólares, que será, se confirmado, o melhor dado desde 2007, quando houve superávit de 408 milhões de dólares. Seguindo a tendência já observada no ano, a balança em outubro teve papel decisivo para as contas externas, com superávit de 4,911 bilhões de dólares, bem acima dos 2,114 bilhões de dólares de outubro de 2016 . No mês, ainda segundo o BC, a remessa de lucros e dividendos para o exterior caiu a 1,454 bilhão de dólares, contra 1,566 bilhão de dólares no mesmo mês do ano passado.

O declínio de 21,2 por cento no gasto com aluguel de equipamentos, a 1,264 bilhão de dólares, também ajudou no melhor resultado para as transações correntes em outubro.

Por outro lado, os gastos líquidos de brasileiros no exterior subiram 18,8 por cento em igual base de comparação, a 1,174 bilhão de dólares em outubro.

Por Marcela Ayres

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247