Cai a entrada de dinheiro estrangeiro no Brasil

O Investimento Estrangeiro Direto (IED) caiu 37,2% entre 2011 e 2018; passou de US$ 97,4 bilhões para US$ 61,2 bilhões; na economia globalizada, o IED é um importante indicador da capacidade de desenvolvimento de uma economia nacional; diferentemente do capital financeiro especulativo, é um dinheiro destinado a ampliar a produção de empresas, o que gera empregos e aumenta a renda nacional

Cai a entrada de dinheiro estrangeiro no Brasil
Cai a entrada de dinheiro estrangeiro no Brasil

247 - O Investimento Estrangeiro Direto (IED) caiu 37,2% entre 2011 e 2018. Passou de US$ 97,4 bilhões para US$ 61,2 bilhões. Na economia globalizada, o IED é um importante indicador da capacidade de desenvolvimento de uma economia nacional; diferentemente do capital financeiro especulativo, é um dinheiro destinado a ampliar a produção de empresas, o que gera empregos e aumenta a renda nacional.

O Brasil caiu do quinto lugar (em 2017) para o nono lugar (em 2018) entre os países que mais atraem o interesse estrangeiro.

Em crise política e econômica há muitos anos, sem uma agenda clara de desenvolvimento, com um mercado consumidor retraído pela perda de poder aquisitivo da população, o investidor externo foge para outros países emergentes.

As informações são do UOL

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247