Carcará, a primeira boa notícia de Graça Foster

Descoberta de novo campo de petróleo pela Petrobras, em parceria com a Queiroz Galvão e a portuguesa Galp, pode ser a maior dos últimos anos

Carcará, a primeira boa notícia de Graça Foster
Carcará, a primeira boa notícia de Graça Foster (Foto: Agência Petrobras/Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Sabrina Lorenzi

RIO DE JANEIRO, 13 Ago (Reuters) - A Petrobras encontrou um novo reservatório gigante no pré-sal da Bacia de Santos, no que poderá se tornar uma das maiores descobertas do Brasil ao lado de campos como Lula e Guará, localizados na mesma região.

O prospecto de Carcará, descoberto pela estatal em parceria com a portuguesa Galp e as brasileiras Queiroz Galvão e Barra Energia, é uma das mais significativas descobertas já realizadas no pré-sal, afirmou à Reuters o presidente da Barra Energia, João Carlos de Luca.

Sem citar volumes, Petrobras e sócias comunicaram ao mercado brasileiro nesta segunda-feira a existência de uma coluna de óleo de mais 400 metros no poço ainda em perfuração no prospecto de Carcará.

"Esta coluna de 400 metros está entre as mais expressivas... É umas das mais significativas descobertas já realizadas no pré-sal ...", afirmou o executivo na noite desta segunda-feira, após a divulgação ao mercado pelas companhias.

A descoberta em Carcará já havia sido anunciada em 20 de março deste ano, mas a continuidade da perfuração revelou uma enorme coluna de óleo.

"Esse dado mostra que o reservatório deve ser comparável a descobertas muito importantes no País, como Lula e Sapinhoá (ex-Guará", disse uma fonte familiarizada com o assunto, pedindo anonimato.

O campo de Lula, antes denominado Tupi, possui pelo menos 5 bilhões de barris de óleo equivalente.

O tamanho da área total do reservatório, entretanto, ainda não foi apurado, segundo Luca. "Ainda é cedo para falar em volumes ... não temos esse dado da área ...Por isso não podemos comparar ainda com Lula ou outros campos", afirmou ele.

"Com uma coluna de petróleo deste tamanho, não me surpreenderá se Carcará for um campo de Lula", disse Cleveland Jones, geólogo de petróleo da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Localizado a 232 quilômetros do litoral do Estado de São Paulo, em lâmina d'água de 2027 metros, o poço ainda está sendo perfurado dentro da zona de óleo, a 6.213m de profundidade, "com o objetivo de determinar a espessura total dos reservatórios portadores de petróleo bem como a presença de zonas de interesse mais profundas", afirmou a Petrobras em nota.

O executivo atenta para a boa qualidade do reservatório, de petróleo de 32 graus API, do tipo leve.

A Petrobras é operadora do consórcio (66%) em parceria com a Petrogal Brasil (14%), Barra Energia do Brasil Petróleo e Gás Ltda. (10%) e Queiroz Galvão Exploração e Produção S.A. (10%).

(Com reportagem adicional de Jeb Blount)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email