China continua sendo destino favorito de investimentos estrangeiros

Nos primeiros quatro meses deste ano, o investimento estrangeiro na China foi de 478.61 bilhões de yuans, uma alta de 20,5% em comparação com o mesmo período do ano passado

www.brasil247.com -
(Foto: Mídia chinesa)


Rádio Internacional da China - Dados divulgados pelo Ministério do Comércio da China nesta quinta-feira, 12, mostram que nos primeiros quatro meses deste ano, o investimento estrangeiro na China foi de 478.61 bilhões de yuans, uma alta de 20,5% em comparação com o mesmo período do ano passado. Apesar do impacto interno e externo da pandemia e das incertezas no panorama internacional, a China continua sendo um dos destinos favoritos para o capital estrangeiro.

Coreia do Sul, Estados Unidos e Alemanha foram os três países com maior crescimento de investimento na China, os quais tiveram respectivamente uma alta de 76,3%, 53,2% e 80,4%. No que diz respeito a setores, a indústria de alta tecnologia registrou uma alta de 45,6% no uso de investimento, sendo 25,1 pontos percentuais superiores ao nível médio.

É de ressaltar que nos primeiros quatro meses, a China conseguiu firmar 185 grandes projetos com um investimento acima de US$ 100 milhões, o que equivale a 1,5 grande projeto por dia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nos últimos dois anos, o investimento transnacional em nível global registrou grandes vicissitudes devido à pandemia e à alteração das estruturas das cadeias de produção e de oferta. Nesse contexto, a China conseguiu manter a tendência de crescimento do investimento estrangeiro. Desde 2017, o país tem se posicionado por quatro anos consecutivos na segunda posição no ranking mundial do uso de investimento estrangeiro. Em 2021, a China bateu recorde ao usar um trilhão de yuans de investimento estrangeiro, registrando um aumento de 14,9% em comparação ao ano anterior.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A empresa de contabilidade e auditoria PwC atribuiu a alta do investimento estrangeiro na China ao bom desempenho da economia e do mercado chinês. No primeiro trimestre, o PIB chinês cresceu 4,8%. Apesar dos diversos desafios, a economia mantém um desenvolvimento estável. Ao mesmo tempo, o mercado gigante chinês reforça a confiança dos investidores estrangeiros. Em 8 de maio, a multinacional francesa de cosméticos L'Oréal declarou o estabelecimento da sua primeira empresa de investimento na China.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A porta da China se abriu para nunca mais fechar, e se abrirá cada vez mais. Eis o compromisso dos chineses para o mundo. Com a implementação do tratado da Parceria Econômica Regional Abrangente (RCEP, sigla em inglês), o país terá um maior grau de abertura nos setores de serviços e de investimento, dando mais oportunidades às empresas estrangeiras.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email