China convoca grupo dos Brics a 'iniciar processo de expansão'

Chancelaria chinesa defende que o grupo dos Brics aumente sua cooperação com outros países e que o bloco conceda "maior abertura" às nações emergentes

www.brasil247.com -
(Foto: Reuters)


Sputnik - Nesta quinta-feira (19), durante uma videoconferência entre os ministros das Relações Exteriores dos cinco países do Brics e vários terceiros estados, o ministro do MRE chinês, Wang Yi, enfatizou a necessidade do bloco de "demonstrar ainda mais abertura e inclusão".

“A solidariedade e a cooperação com os países emergentes e em desenvolvimento é uma excelente tradição dos países do BRICS, e é também um caminho inevitável para o desenvolvimento e crescimento do mecanismo do bloco”, disse o ministro chinês.

Para alcançar esses objetivos, Wang pediu para se "fazer bom uso do modelo BRICS+, explorando o desenvolvimento da cooperação em níveis mais altos, em um campo mais amplo e em maior escala, promovendo a normalização e institucionalização das atividades do bloco e estabelecendo associações mais amplas".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"O lado chinês propõe iniciar o processo de expansão do BRICS, discutir os padrões e procedimentos dessa expansão e formar gradualmente um consenso. Isso ajudará a demonstrar a abertura e inclusão dos países do BRICS, atender às expectativas dos países de mercado emergente e aqueles em desenvolvimento, e aumentará a representatividade e influência dos estados membros do Brics, fazendo maiores contribuições para a paz e o desenvolvimento mundial", disse o ministro. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A reunião de hoje (19) foi composta por duas partes: na primeira, os chanceleres do Brics discutiram temas como a recuperação econômica, a estabilidade internacional e o conflito na Ucrânia. Na segunda parte, juntaram-se os chanceleres da Arábia Saudita, Argentina, Cazaquistão, Egito, Emirados Árabes Unidos, Indonésia, Nigéria, Senegal e Tailândia, segundo o Itamaraty.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na quinta-feira passada (12), a China convidou a Argentina a participar da cúpula de hoje (19). Buenos Aires aceitou o convite e enfatizou, através de sua chancelaria, que o chamado é "sumamente importante", sobretudo em vista do antigo interesse da Argentina de ingressar no Brics, conforme noticiado. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email