Confiança do setor de serviços cresce em setembro, diz FGV

Índice de Confiança de Serviços (ICS) do Brasil avançou em setembro pela terceira vez consecutiva e foi ao nível mais alto desde o final de 2014; Fundação Getulio Vargas (FGV) informou que o ICS subiu 2,4 pontos e atingiu 85,6 pontos neste mês, melhor nível desde dezembro de 2014

Mutirão da cidadania em São Sebastião. Corte comunitário de cabelo (Valter Campanato/Agência Brasil)
Mutirão da cidadania em São Sebastião. Corte comunitário de cabelo (Valter Campanato/Agência Brasil) (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - O Índice de Confiança de Serviços (ICS) do Brasil avançou em setembro pela terceira vez consecutiva e foi ao nível mais alto desde o final de 2014, com expectativa de que o setor ganhe força nos próximos meses.

A Fundação Getulio Vargas (FGV) informou nesta sexta-feira que o ICS subiu 2,4 pontos e atingiu 85,6 pontos neste mês, melhor nível desde dezembro de 2014.

"A boa notícia é que, ao longo do terceiro trimestre, as avaliações empresariais sobre a situação corrente e a dos próximos meses mantiveram um perfil equilibrado. Assim, é possível que a reação na atividade real do setor ganhe um impulso mais claro nos próximos meses", afirmou o consultor do FGV/IBRE Silvio Sales em nota.

O Índice da Situação Atual (ISA-S) avançou 3,2 pontos e foi a 81,5 pontos, enquanto o Índice de Expectativas (IE-S) subiu 1,6 ponto e chegou a 89,9 pontos em setembro.

Em setembro, a confiança do consumidor também subiu, com melhora da percepção sobre o mercado de tralho, em um ambiente de juros em queda, inflação baixa e recuperação gradual da economia.

Por Camila Moreira

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247