Depressão de Temer derruba em 17% desembolsos do BNDES no 1º tri

Recessão derivada das políiticas econômicas do governo Michel Temer derrubaram os Desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no primeiro trimestre em 17% ante um ano antes, para R$ 15,1 bilhões; em março houve uma redução nos empréstimos de 18% ante o mesmo período do ano passado, para R$ 5,1 bilhões

Michel Temer, crédito, dinheiro .2
Michel Temer, crédito, dinheiro .2 (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - Os desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no primeiro trimestre caíram 17 por cento ante um ano antes, para 15,1 bilhões de reais, informou a instituição de fomento nesta terça-feira.

Em março apenas, houve uma redução nos empréstimos de 18 por cento ante o mesmo período do ano passado, para 5,1 bilhões de reais.

Apesar das quedas, o banco afirmou que há sinais de melhora da atividade que vieram das aprovações de empréstimos para aquisição de máquinas e equipamentos, que subiram no trimestre 32 por cento, e das consultas sobre financiamentos para infraestrutura, que cresceram 25 por cento.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email