Depressão de Temer derruba em 17% desembolsos do BNDES no 1º tri

Recessão derivada das políiticas econômicas do governo Michel Temer derrubaram os Desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no primeiro trimestre em 17% ante um ano antes, para R$ 15,1 bilhões; em março houve uma redução nos empréstimos de 18% ante o mesmo período do ano passado, para R$ 5,1 bilhões

Michel Temer, crédito, dinheiro .2
Michel Temer, crédito, dinheiro .2 (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - Os desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no primeiro trimestre caíram 17 por cento ante um ano antes, para 15,1 bilhões de reais, informou a instituição de fomento nesta terça-feira.

Em março apenas, houve uma redução nos empréstimos de 18 por cento ante o mesmo período do ano passado, para 5,1 bilhões de reais.

Apesar das quedas, o banco afirmou que há sinais de melhora da atividade que vieram das aprovações de empréstimos para aquisição de máquinas e equipamentos, que subiram no trimestre 32 por cento, e das consultas sobre financiamentos para infraestrutura, que cresceram 25 por cento.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247.Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247