Dólar bate recorde histórico com desconfiança na economia

O dólar saltou a R$ 4,2800 na venda às 12h10, maior valor nominal da história. Assim, deixou para trás o recorde anterior de R$ 4,2785 na venda alcançado em 26 de novembro do ano passado

(Foto: Esq.: Marcos Corrêa - PR / Dir.: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar acelerou a alta ante o real e bateu uma nova máxima histórica durante um pregão nesta sexta-feira, em mais um dia de força da moeda no exterior com pano de fundo de aversão a risco por temores sobre o coronavírus.

O dólar saltou a 4,2800 reais na venda às 12h10, maior valor nominal da história. Assim, deixou para trás o recorde intradia anterior de 4,2785 reais na venda alcançado em 26 de novembro do ano passado.

Por volta de 12h17, a cotação no mercado à vista subia 0,38%, a 4,2756 reais na venda.

Na B3, o contrato de dólar futuro de maior liquidez tinha ganho de 0,59%, a 4,2695 reais.

No exterior, o dólar registrava firmes altas contra outras divisas emergentes, como peso mexicano (+0,6%), rand sul-africano (+1,3%) iuan chinês offshore (+0,5%).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247