CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Economia

Efeito Lula: vendas do comércio têm o maior crescimento em 15 anos

O resultado do trimestre completo representa uma alta de 6,2% na comparação com o mesmo período de 2022

Imagem Thumbnail
Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: Ricardo Stuckert)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Segundo dados da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), as vendas do comércio varejista no estado de São Paulo atingiram a marca de R$ 281 bilhões no primeiro trimestre, registrando o melhor desempenho para o mês de março em 15 anos.

De acordo com a Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista no Estado de São Paulo (PCCV), realizada pela FecomercioSP, houve um aumento de 6,2% no faturamento do trimestre completo em comparação com o mesmo período de 2022, de acordo com informações obtidas pelo site Metrópoles.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O mês de março destacou-se, sendo o de maior volume de vendas mensal desde o início da pesquisa há 15 anos. O comércio varejista paulista registrou um faturamento de R$ 101,26 bilhões, apresentando um crescimento de 6,8% em relação a março de 2022.

Dentre as atividades pesquisadas, quase todas apresentaram aumento nas vendas. Os setores que se destacaram em março foram "Farmácias e perfumarias" (com aumento de 23,1% em comparação a 2022), "Concessionárias de veículos" (22,1%), "Autopeças e acessórios" (15,6%) e "Supermercados" (12,7%).

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Os supermercados foram responsáveis pelo maior faturamento no mês, totalizando R$ 34,2 bilhões em vendas.

Segundo a FecomercioSP, o aumento do poder de compra teve um impacto imediato no setor, uma vez que as pessoas passaram a adquirir marcas de melhor qualidade, cujo consumo foi limitado durante a pandemia.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Além do comércio varejista, o setor de serviços também registrou resultados positivos na capital paulista, de acordo com a Fecomercio. Uma pesquisa específica para a cidade de São Paulo mostrou que o faturamento do setor de serviços alcançou R$ 61,1 bilhões em março, representando o melhor desempenho em 13 anos.

Os dados foram obtidos por meio da Pesquisa Conjuntural do Setor de Serviços (PCSS), que é um indicador mensal de serviços no âmbito municipal. O setor de turismo foi um destaque, alcançando um faturamento de quase R$ 1,7 bilhão em março, o que representa um aumento de 128% em comparação com o mesmo período de 2022. O crescimento do setor de serviços na capital paulista também foi impulsionado pela melhora na renda real da população, resultante de uma menor inflação e do aumento do salário mínimo, de acordo com a FecomercioSP.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO