Empresas estão atrasando investimentos, diz Furlan

O empresário Luiz Fernando Furlan, ex-ministro e chairman do Lide (Grupo de Líderes Empresariais), afirmou que "uma quantidade grande de empresas está atrasando a decisão de investimentos e isso tem um efeito multiplicador"; "Um efeito a montante, que significa colocar pedidos de máquinas e equipamentos, e outro a jusante, porque aumenta a produção depois"

Empresas estão atrasando investimentos, diz Furlan
Empresas estão atrasando investimentos, diz Furlan

247- O empresário Luiz Fernando Furlan, ex-ministro e chairman do Lide (Grupo de Líderes Empresariais), afirmou que "uma quantidade grande de empresas está atrasando a decisão de investimentos e isso tem um efeito multiplicador". "Um efeito a montante, que significa colocar pedidos de máquinas e equipamentos, e outro a jusante, porque aumenta a produção depois. Então, se não tiver uma sinalização forte, as empresas vão ficar em stand-by. O humor do empresário muda rápido". Seus relatos foram publicados na coluna Painel.

De acordo com ele, a Reforma da Previdência "não precisa ser aprovada para mudar o humor das pessoas". "Precisa ser assegurado que vai andar. Tem tido altos e baixos. Quando o setor empresarial vê que a reforma vai andar, que o diálogo entre Congresso e Executivo está melhorando, o ânimo melhora. Quando dá uma tropeçadinha, fica no estado de atenção", disse.

"Agora, a reforma da Previdência é um passaporte. Você tira o passaporte e ele te dá direito a avançar para outras áreas. A partir do momento em que o governo mostrar que tem competência de aprovar uma reforma básica, eu acho que a sociedade toda vai entender que ele tem competência para avançar com outras coisas", acrescentou.

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247