Engenheiro denuncia que Petrobras está sendo desintegrada

O engenheiro da Petrobras e consultor legislativo, Paulo Cesar Ribeiro Lima, concedeu entrevista à TV 247  explicando as consequências nocivas da política de Pedro Parente à Petrobras. Segundo Lima, "A Petrobras está sendo desintegrada"; Assista a íntegra da entrevista 

O engenheiro da Petrobras e consultor legislativo, Paulo Cesar Ribeiro Lima, concedeu entrevista à TV 247  explicando as consequências nocivas da política de Pedro Parente à Petrobras. Segundo Lima, "A Petrobras está sendo desintegrada"; Assista a íntegra da entrevista 
O engenheiro da Petrobras e consultor legislativo, Paulo Cesar Ribeiro Lima, concedeu entrevista à TV 247  explicando as consequências nocivas da política de Pedro Parente à Petrobras. Segundo Lima, "A Petrobras está sendo desintegrada"; Assista a íntegra da entrevista  (Foto: Lais Gouveia)

TV 247 - O engenheiro da Petrobras e consultor legislativo, Paulo Cesar Ribeiro Lima, concedeu entrevista à TV 247 nesta semana explicando as consequências nocivas da política de Pedro Parente à estatal. Segundo Lima, "A Petrobras está sendo desintegrada".

Nesta quinta-feira (7) será realizada a quarta rodada do leilão do Pré-sal, criticada pelo engenheiro. "O que está em jogo são quatro áreas muito importantes do pré-sal que possuem produtividade semelhante à extração da Arábia Saudita. É uma riqueza tamanha que deveria ser um monopólio estatal do petróleo, mas, infelizmente, não estamos caminhando para tal rumo", condena Paulo Cesar Lima.

Questionado qual é o melhor modelo na extração do petróleo, Paulo Cesar Lima afirma que o mais importante é exercer uma política pública que garanta em lei o mínimo 50% do excedente em óleo para a união e haja conteúdo nacional. "O que está em jogo é uma área riquíssima ser explorada e não gerar benefícios à população brasileira, inviabilizando que o excedente do óleo financie áreas como saúde e educação", alerta.

Paulo Cesar classifica a demissão de Pedro Parente como "importantíssima". "A Petrobras está sendo desintegrada, a estatal anunciou a saída da petroquímica, biocombustíveis e energia elétrica. A retirada da área de refino é gravíssima, concentrando apenas na extração de petróleo. Eu não conheço nenhuma empresa que faça algo semelhante ao que Pedro parente fez com a Petrobras, por isso, temos que comemorar sua saída", elucida. 

Ele faz um paralelo entre Brasil e Bolívia. "O boliviano tem um sentimento de que as reservas gás são pertencentes a eles, um bem nacional. No Brasil, o povo não tem a compreensão do que representa o pré-sal, talvez influenciado pela grande mídia. bolivianos só conquistaram o gás porque saíram às ruas", conclui Paulo Cesar Ribeiro lima. 

Inscreva-se na TV 247 e confira a entrevista com Paulo Cesar ribeiro Lima 


Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247