FVG: consumidor brasileiro mostra cautela e confiança cai em agosto

A recuperação lenta do mercado de trabalho e as incertezas deixaram os consumidores brasileiros cautelosos e a confiança voltou a piorar em agosto, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV); o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuou 0,4 ponto em agosto ante o mês anterior para 83,8 pontos, depois de ter interrompido em julho série de três quedas seguidas

FVG: consumidor brasileiro mostra cautela e confiança cai em agosto
FVG: consumidor brasileiro mostra cautela e confiança cai em agosto (Foto: Paulo Whitaker - Reuters)

SÃO PAULO (Reuters) - A recuperação lenta do mercado de trabalho e as incertezas deixaram os consumidores brasileiros cautelosos e a confiança voltou a piorar em agosto, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta sexta-feira (24).

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuou 0,4 ponto em agosto ante o mês anterior para 83,8 pontos, depois de ter interrompido em julho série de três quedas seguidas.

“Diante da lenta recuperação do mercado de trabalho, do alto nível de incerteza, do risco de aceleração da inflação e das dificuldades de se alcançar o equilíbrio orçamentário familiar, os consumidores mantêm uma postura conservadora e cautelosa quanto aos gastos discricionários. Este desânimo terá um efeito redutor sobre o consumo das famílias ao longo do segundo semestre”, explicou em nota a coordenadora da Sondagem do Consumidor, Viviane Seda Bittencourt.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247