Golpe atinge a imagem dos executivos brasileiros

Os executivos brasileiros começam a ser preteridos por empresas estrangeiras devido à grande quantidade de notícias ruins sobre o Brasil. A imagem desses executivos, que sempre foi boa, se tornou negativa para companhias no exterior

Golpe atinge a imagem dos executivos brasileiros
Golpe atinge a imagem dos executivos brasileiros

247 - Os executivos brasileiros começam a ser preteridos por empresas estrangeiras devido à grande quantidade de notícias ruins sobre o Brasil. A imagem desses executivos, que sempre foi boa, se tornou negativa para companhias no exterior.

A opinião é de Edilson Camara, CEO global da Egon Zehnder, que assumiu o posto no ano passado. Baseado no Canadá desde 2013, é o sexto a assumir o cargo em 55 anos da companhia de seleção de executivos, uma das mais tradicionais do setor. Atualmente, ele comanda 2,7 mil funcionários, sendo 500 consultores espalhados em escritórios instalados em 69 países. O executivo esteve recentemente no Brasil e concedeu entrevista ao jornal Valor Econômico

"O elemento da corrupção é complexo e cria nas pessoas uma mentalidade de generalização. Eu me vejo em situações lá fora tendo que explicar que é uma questão da política e da sociedade que precisa ser extirpada, mas é difícil para companhias que desconhecem detalhes sobre o Brasil entenderem", diz".

Leia mais

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247