Governo pode apresentar alternativa ao regime do pré-sal

Intenção do governo seria sugerir uma emenda ao texto do senador José Serra (PSDB-SP) que impõe preferência à estatal na exploração do pré-sal, derrubando a obrigatoriedade de participar de pelo menos 30% da exploração; caberia à Petrobras decidir se abre ou não caminho para outras empresas; Senado pode votar a matéria nesta terça 

Intenção do governo seria sugerir uma emenda ao texto do senador José Serra (PSDB-SP) que impõe preferência à estatal na exploração do pré-sal, derrubando a obrigatoriedade de participar de pelo menos 30% da exploração; caberia à Petrobras decidir se abre ou não caminho para outras empresas; Senado pode votar a matéria nesta terça 
Intenção do governo seria sugerir uma emenda ao texto do senador José Serra (PSDB-SP) que impõe preferência à estatal na exploração do pré-sal, derrubando a obrigatoriedade de participar de pelo menos 30% da exploração; caberia à Petrobras decidir se abre ou não caminho para outras empresas; Senado pode votar a matéria nesta terça  (Foto: Roberta Namour)

247 - O governo deve apresentar uma alternativa ao projeto do senador José Serra (PSDB-SP) que acaba com a obrigação da Petrobras de participar de pelo menos 30% da exploração do pré-sal no país. O Senado pode votar a matéria nesta terça (30).

A intenção do governo seria sugerir uma emenda ao texto de Serra que impõe preferência à estatal na exploração. Caberia à Petrobras decidir se abre ou não caminho para outras empresas.

Em defesa de sua tese, o senador tucano alega ser “inconcebível que um recurso de tamanha relevância sofra um retardamento irreparável na sua exploração devido a crises da operadora”: “É imprescindível a mudança na lei, com vistas ao restabelecimento de um modelo que garanta a exploração ininterrupta e também maiores possibilidades de ganhos para o Tesouro”, diz.

Leia aqui reportagem de Ricardo Brito sobre o assunto. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247