Hyundai terá fábrica em Itatiaia, no Rio

Primeira unidade da companhia sul-coreana fora do continente asitico ser voltada para veculos pesados destinados construo civil

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Brasil - O estado do Rio de Janeiro vai receber uma fábrica de veículos pesados destinados à construção civil. A Hyundai Heavy Industries será erguida no município de Itatiaia, no Vale do Paraíba. Trata-se da primeira fábrica da companhia fora do Continente Asiático.

A unidade será instalada em uma área de 550 mil metros quadrados na margem da Rodovia Presidente Dutra e produzirá anualmente cerca de 5 mil máquinas para construção pesada. Um total de 40% da produção será exportado. A previsão é que a obra seja concluída até o final de 2012.

O protocolo para a contrução da fábrica foi assinado nesta segunda-feira, no Palácio Guanabara, entre o governador Sérgio Cabral e um representante da empresa sul-coreana. Também foi anunciada a fusão da empresa sul-coreana com a nacional Brasil Máquinas de Construção (BMC). No empreendimento, que contará com a ajuda da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Rio de Janeiro (Codin), serão investidos US$ 150 milhões. A BMC entrará com 55% dos investimentos e a Hyundai com 45%.

De acordo com o presidente mundial da Hyundai Heavy Industries, Jay Song Lee, serão criados 500 empregos diretos com a instalação da fábrica e há a previsão de que mais mil até 2015, quando atingirá a capacidade máxima da operação.

Segundo o presidente da BMC, Felipe Cavalieri, a criação de empregos dependerá da qualidade da mão de obra local. Entretanto, ressaltou que irá colaborar na qualificação de profissionais do setor.

“Se os fornecedores brasileiros forem qualificados para atenderem a fábrica, serão gerados menos empregos. Se não forem qualificados, a Hyundai deve incentivar os parceiros coreanos para que se instalem no entorno da fábrica. Agora esse é um trabalho de qualificação de mão de obra que tem que ser uma obrigação do empresário, para que junto com o governo e a Firjan [Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro], capacitem a população”, afirmou.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email