Inflação em São Paulo volta a ter forte queda

Índice de Preços ao Consumidor (IPC) ficou em 0,01% na segunda prévia de julho, resultado bem inferior ao apurado na primeira prévia, quando a taxa havia atingido alta de 0,16%; destaque foi o grupo alimentação com a nona queda seguida

Inflação em São Paulo volta a ter forte queda
Inflação em São Paulo volta a ter forte queda
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Marli Moreira
Repórter da Agência Brasil

São Paulo - O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), ficou em 0,01%, na segunda prévia de julho. Esse resultado é bem inferior ao apurado na primeira prévia quando a taxa havia atingido alta de 0,16%. O destaque foi o grupo alimentação com a nona queda seguida, passando de -0,44% para -0,53%.

Outros dois grupos também indicaram recuos: transportes com -0,39% ante uma alta de 0,38% e vestuário com -0,29% ante um aumento de 0,12%. Essas reduções ajudaram a neutralizar o impacto inflacionário dos avanços registrados nos demais grupos.

Em habitação, a taxa subiu de 0,45% para 0,48%; em despesas pessoais houve elevação de 0,32% ante 0,28%; em saúde de 0,26% ante 0,13% e em educação, de 0,12% ante 0,11%.

Edição: José Romildo

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247