Inflação não para de subir: carne de porco registra aumento de até 50% em outubro

O valor da carne de porco no Brasil aumentou entre 30% e 50% em outubro na comparação com o mesmo período de 2019

Inflação continua subindo no Brasil
Inflação continua subindo no Brasil
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O valor da carne de porco no Brasil aumentou entre 30% e 50% em outubro na comparação com o mesmo período de 2019. Em diferentes regiões do interior de São Paulo, o preço do quilo de pernil pode variar entre R$ 17,90 e R$ 23,90. O lombo pode ser encontrado com valores com diferença ainda maior, entre R$ 19,50 e R$ 30,50 o quilo, de acordo com uma pesquisa realizada pelo portal UOL em diversas cidades brasileiras. 

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) informou que o custo de produção do porco vivo aumentou 38% de outubro do ano passado para outubro deste ano. O valor era de R$ 3,90/kg. Agora, está em R$ 5,37/kg. 

Segundo Ariana Rocha, gerente geral do Açougue Rosita e Geraldo, em Cuiabá (MT), os valores tiveram que ser aumentados em até 50%. O quilo do lombo, por exemplo, custava R$ 16. Atualmente está em R$ 22. O pernil subiu de R$ 12 para R$ 18 o quilo.

Em Florianópolis (SC), o pernil suíno custa R$ 19,90/kg, contra R$ 11,90/kg no início do ano. O lombo subiu de R$ 19,90/kg para R$ 28,90/kg. 

Em Belo Horizonte (MG), os preços subiram em média 50%.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247