Economia

Itaú pode ser investigado pelo FBI pelo caso Fifa

Autoridades policiais norte-americanas querem apurar se o banco brasileiro, que atua nos Estados Unidos, facilitou a transferência de recursos ilegais para os envolvidos no escândalo de corrupção que atingiu o futebol mundial; uma das remessas suspeitas, de US$ 500 mil, saiu de uma conta do Itaú em Nova York, para uma empresa de iates de luxo na Inglaterra; “O banco reforça que preza pela total transparência e ética, valores que sempre busca nos relacionamentos com todos os seus fornecedores e parceiros”, informou por nota o Itaú, que patrocina a seleção brasileira e é presidido por Roberto Setubal

Autoridades policiais norte-americanas querem apurar se o banco brasileiro, que atua nos Estados Unidos, facilitou a transferência de recursos ilegais para os envolvidos no escândalo de corrupção que atingiu o futebol mundial; uma das remessas suspeitas, de US$ 500 mil, saiu de uma conta do Itaú em Nova York, para uma empresa de iates de luxo na Inglaterra; “O banco reforça que preza pela total transparência e ética, valores que sempre busca nos relacionamentos com todos os seus fornecedores e parceiros”, informou por nota o Itaú, que patrocina a seleção brasileira e é presidido por Roberto Setubal (Foto: Leonardo Attuch)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A polícia federal dos Estados Unidos, o FBI, pode investigar o banco Itaú, presidido por Roberto Setubal. O motivo é a suspeita de que o banco tenha facilitado a remessa de recursos ilegais aos envolvidos no escândalo de corrupção que atingiu o futebol mundial.

O nome do Itaú aparece em duas remessas suspeitas. Uma delas, de US$ 150 mil, saiu de uma conta do Itaú na Flórida e foi para uma conta de Júlio Lopez, presidente da confederação de futebol no Nicarágua.

Outra, de US$ 500 mil, saiu do Itaú em Nova York para uma conta de uma empresa de iates de luxo na Inglaterra.

“O Itaú, como patrocinador da CBF e banco oficial da Seleção Brasileira de futebol, está acompanhando as notícias sobre as investigações. O banco reforça que preza pela total transparência e ética, valores que sempre busca nos relacionamentos com todos os seus fornecedores e parceiros”, disse o banco, em nota.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO