Lagarde, do FMI, diz estar decepcionada com Grécia

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internaciona, Christine Lagarde, disse neste domingo estar decepcionada com o resultado inconclusivo das negociações com a Grécia, que está à beira de um calote de sua dívida com o FMI; "Eu continuo acreditando que uma abordagem equilibrada é necessária para ajudar a restaurar a estabilidade econômica e o crescimento na Grécia", disse ela

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internaciona, Christine Lagarde, disse neste domingo estar decepcionada com o resultado inconclusivo das negociações com a Grécia, que está à beira de um calote de sua dívida com o FMI; "Eu continuo acreditando que uma abordagem equilibrada é necessária para ajudar a restaurar a estabilidade econômica e o crescimento na Grécia", disse ela
A diretora-gerente do Fundo Monetário Internaciona, Christine Lagarde, disse neste domingo estar decepcionada com o resultado inconclusivo das negociações com a Grécia, que está à beira de um calote de sua dívida com o FMI; "Eu continuo acreditando que uma abordagem equilibrada é necessária para ajudar a restaurar a estabilidade econômica e o crescimento na Grécia", disse ela (Foto: Leonardo Attuch)

WASHINGTON (Reuters) - A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, disse neste domingo estar decepcionada com o resultado inconclusivo das negociações com a Grécia, que está à beira de um calote de sua dívida com o FMI.

Ao mesmo tempo, Lagarde afirmou que ainda está disposta a continuar as negociações com o governo grego na esperança de que o país possa fazer "reformas estruturais e fiscais adequadas", suportadas por "medidas de financiamento e de sustentabilidade da dívida".

"Eu continuo acreditando que uma abordagem equilibrada é necessária para ajudar a restaurar a estabilidade econômica e o crescimento na Grécia", disse ela.

(Por Sarah N. Lynch)

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247