Lideranças do PT defendem reação à privatização da Eletrobrás

Alexandre Padilha e Wellington Dias, assim como o mercado, veem dificuldades em uma eventual reversão da privatização da Eletrobrás em 2023

www.brasil247.com -
(Foto: REUTERS/Pilar Olivares)


247 - Alexandre Padilha e Wellington Dias, que lideram as conversas do PT com o mercado financeiro na campanha do ex-presidente Lula, defendem uma reação do partido à privatização da Eletrobrás antes da concretização da venda da empresa. 

No mercado financeiro, a avaliação é de que uma reversão da privatização da Eletrobrás em um eventual governo Lula enfrentaria dificuldades, informa o jornal O Estado de S. Paulo. Tanto pelos obstáculos jurídicos quanto pela briga que o petista teria de comprar logo no início de um governo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email