CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Economia

Lotéricas vão vender viagem de ônibus com financiamento da Caixa

Iniciativa busca, numa primeira etapa, alcançar os consumidores de São Paulo, Rio e Espírito Santos

Imagem Thumbnail
Agência lotérica (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Por Jamille Niero, Infomoney - As agências lotéricas do país vão passar a vender passagens de ônibus. A medida é resultado de uma parceria entre a Caixa Econômica Federal e a fintech BusPay.

Na primeira fase do projeto, a compra poderá ser feita em agências lotéricas do Rio de Janeiro, para linhas operadas pela Itapemirim.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Fornecedora do equipamento que viabiliza a compra das passagens, a fintech espera atingir, no curto prazo, pelo menos 190 lotéricas em estados como São Paulo, Rio e Espírito Santo, até levar o projeto para as 13 mil lotéricas da Caixa no Brasil. “Depois desse primeiro lote de lotéricas, começamos a expandir para outras cidades. A nossa ideia é trazer inovação para os meios de pagamentos da mobilidade e também atender as comunidades. Foi por causa desse viés social que procuramos a Caixa”, afirmou Adriano Barros, diretor-executivo da BusPay.

Aprenda a receber até 200% acima da poupança tradicional sem abrir mão da simplicidade e da segurança

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Como vai funcionar?

A compra da passagem poderá ser feita com a utilização de empréstimo da Caixa, o que hoje não está acessível nos guichês das rodoviárias. A opção inclui parcelamento de longo prazo e estará disponível para correntistas, segundo divulgou a BusPay.

A compra dos bilhetes pode ser feita nas casas lotéricas habilitadas com a maquininha de emissão das passagens – semelhante às que aceitam cartões. O comprador sai da lotérica já com o tíquete impresso em mãos e pode realizar a aquisição para mais de uma pessoa.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Para Julio de Assis, diretor de Operações da Itapemirim, o sistema de vendas da Buspay vai permitir muitas facilidades para o cliente, como parcelamento de passagens. “Nosso foco é a classe D e E. As pessoas precisam de crédito, já que o tíquete médio é acima de R$ 600. A ideia é facilitar a vida do nosso cliente. Além da rota da Rocinha, temos outros 800 destinos que atendemos”, afirmou.

Para Marcelo Gomes de Oliveira, presidente do Sindicato das Casas Lotéricas do Estado do Rio de Janeiro, a parceria fortalece as lotéricas. “Temos uma grande capilaridade e contamos com muita confiança do consumidor. Temos o diferencial do atendimento e do cliente fiel, o que vai enriquecer o nosso portfólio de serviços. A Buspay traz também esse reforço na comunicação desse novo serviço, o que vai facilitar a venda final”, explica.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Procurada pelo InfoMoney, a Caixa Econômica Federal não respondeu aos questionamentos da reportagem até esta publicação.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

Relacionados

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO