Lucro da Redecard cai, mas ações sobem

Analistas e investidores gostam do balano da empresa de cartes de pagamento e papis lideram ganhos na bolsa no incio da tarde

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247_O resultado da Redecard provou que nem sempre é o lucro que importa para o desempenho de uma empresa no mercado de capitais. No segundo trimestre deste ano, a empresa que administra as maquininhas de cartões registrou um ganho de R$ 322,6 milhões, queda de 14% sobre o mesmo período do ano passado. Apesar dessa baixa nos números, o papel RDCD3 subia 4,7% na bolsa de valores no início da tarde desta quinta-feira 28 e liderava os ganhos do Ibovespa. Em 2011, a ação RDCD3 está em alta de 29,5%. Segundo os principais analistas da companhia, o cálculo deles era um lucro 10 pontos percentuais menor do que o apresentado.

A explicação para a alta da ação da Redecard após os resultados, porém, vai além de um lucro maior do que o projetado pelas calculadoras dos analistas. O balanço da empresa de cartões de pagamento veio mais equilibrado, o que faz a projeção para os próximos trimestres ficar mais otimista. A receita operacional da Redecard foi 3% maior para R$ 888,1 milhões. Na disputa com a Cielo pela captura de transações, as operações de débito cresceram 35% para R$ 340,8 milhões, com um volume financeiro de R$ 18,2 bilhões. Nas operações de crédito, a alta foi de 24% para R$ 354,8 milhões, com volume de R$ 37,5 bilhões.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email